Carregando...

Carregando...

Carregando...

Selecione uma opção

Por favor selecione um Sexo para comprar!

Bem-vindo(a) à Farfetch, faça login ou cadastre-se

Como Usar

segunda-feira, 23 de janeiro de 2017

Como usar jeans destroyed

Compartilhar

Quando Hedi Slimane, então diretor criativo da Saint Laurent, decidiu levar o grunge de Seattle para Paris no desfile de inverno 2014, talvez não imaginasse de que os anos 90 voltariam com tanta força. Suas ideias pavimentaram o caminho para que as passarelas prestassem atenção em como usar jeans destroyed, uma peça que já vem desfilando pelas ruas há algumas estações.

como usar jeans rasgado

Look icônico do movimento grunge, a calça rasgada reaparece nas semanas de moda de maneira mais chic e menos streetwear. Nesta nova interpretação, peças com cara de inacabadas podem ganhar pontos estrategicamente puídos e vir acompanhadas de aplicações de patches e bordados, conferindo novo fôlego ao tecido mais democrático da moda.

 

Grifes nacionais e internacionais investem hoje não só em calças, mas também em macacões, shorts, saias e jaquetas que comprovam a versatilidade do jeans para compor um estilo cool.

 

Calça

 

Antes de decidir como usar jeans destroyed, vale ter em mente qual a mensagem que você quer transmitir.

 

Rasgados discretos figuram em produções mais comportadas, mas com um toque de rebeldia, como nos looks de Olivia Palermo. A it girl frequentemente usa a peça com salto e uma jaqueta estruturada jogada despretensiosamente sobre camisas femininas de alfaiataria.

 

A vantagem da calça rasgada discretamente – a exemplo da clássica skinny da Rag & Bone / Jean e da barra levemente desfiada de Stella McCartney – é que ela possibilita a criação de um visual mais clean.

 

Modelos como este são perfeitos para noites casuais, acompanhados de camisetas e botas com aplicações. No fim de semana, o jeans com efeitos discretos pode ganhar a companhia de tricots e anabelas de corda.

 

Looks com jeans destroyed ganham mais impacto quando o modelo escolhido traz rasgos maiores nos joelhos. Fã da tendência, a modelo Gigi Hadid usa um truque de styling infalível para conquistar um visual cool: com casaco oversized ou trench coat.

 

Atualmente, porém, os efeitos destroyed também vão muito além dos rasgos. A Balmain, por exemplo, aposta na mistura de tendências, em peças como o jeans biker cinza que traz, além de desgastes em pontos estratégicos, nervuras próximas aos joelhos e efeito desbotado.

 

Já a 7 For All Mankind propõe modelos com pequenos detalhes puídos e marcas geométricas em lavagens diferentes, provocando o efeito de um patchwork. Calças cropped, como as da Diesel, possibilitam deixar os tornozelos à mostra e aumentam a temperatura fashion qualquer que seja a ocasião.

 

Jaqueta

 

Quando a ideia é trazer uma dose de atitude a looks mais delicados, como um vestido esvoaçante, a jaqueta jeans é perfeita para arrematar a produção.

 

Clássico dos looks com jeans há várias décadas, o modelo aparece repaginado, com direito a detalhes desgastados, modelagens oversized e aplicações de patches.

 

Le Lis Blanc fez sua própria releitura com recortes, aplicação de trança em camurça marrom e comprimento mais curto. A peça é companhia ideal para calças de alfaiataria e slippers que podem ir do trabalho ao happy hour, e vira um complemento de peso para o pretinho básico.

 

Grifes conhecidas por apostar no denim, como Dsquared2 e Diesel, também não decepcionam com suas versões de jaquetas e coletes.

 

Saia

 

A saia jeans também está na mira das tesouras e ganha novas lavagens e efeitos destroyed estrategicamente posicionados.

 

A peça é clássica quando acompanhada por uma camisa de alfaiataria branca ou azul e sapatilha nos pés. Mas, coringa do estilo despojado, ela também segura uma camisa estampada ou camiseta de banda.

 

A grife Marques Almeida aposta em um modelo midi em camadas com a bainha desfiada, par ideal para tops estruturados e tênis em dias amenos.

 

A saia jeans destroyed pode ser facilmente adaptada para os dias mais frios com leggings, botas pesadas e jaqueta de couro. A minissaia cinza da J Brand, por exemplo, vai bem com uma T-shirt descolada, jaqueta biker e ankle boot.

 

Jardineira/macacão

 

Os looks de streetstyle das principais capitais do mundo são um tutorial ao vivo de como usar jeans destroyed. A moda que vem das ruas aponta para produções hi-low que fogem do convencional, e a jardineira jeans se encaixa perfeitamente nesta categoria.

 

Grifes como a Ellus e a John John trazem macacões destroyed em suas coleções, enquanto a Valentino aposta em aplicações divertidas e cheias de cor.

 

No caso dos macacões curtos, o destino ideal é um programa casual, mas as jardineiras compridas podem funcionar em escritórios mais informais.

 

Essas peças carregam uma informação mais masculina e ficam ainda mais interessantes com um contraponto feminino. Camisas acetinadas e estampas florais por baixo, por exemplo, trazem delicadeza ao look.

 

Finalize a produção com tênis, sapatilhas ou até mesmo com uma plataforma nas alturas – par perfeito para as jardineiras flared.

 

Vale lembrar que um pouco de cuidado na hora de lavar o seu jeans garante que ele continuará destruído na medida certa por muitos anos. 

 

Shorts

 

Na transição do inverno ao verão, os looks com jeans podem ser facilmente adaptados aos shorts. Despojada por natureza, a peça fica ainda mais informal com efeitos destroyed e por isso é mais adequada para ocasiões casuais.

 

O shorts é uma alternativa cool para a saída de praia quando acompanhado por tops soltinhos e rasteirinhas.

 

À noite, basta trocar os flats por tênis ou ankle boots sem salto. O jeans destroyed é perfeito para visuais bem relaxados, que pedem por franjas, casacos com recortes e bijuterias com uma pegada mais boêmia.

 

Quando os termômetros começarem a subir, um short de cintura média e barra desfiada, como visto nas coleções recentes da John John, é um forte candidato a peça-chave dos looks com jeans.

 

moda jeans rasgado
País da entrega Seu pedido será enviado para Brasil e o seu endereço de cobrança é BRL R$ .
An error occurred while fetching the countries or regions

Aguarde

Nossa Política de Cookie

Aguarde

An error occurred while fetching the content
Nossa Política de Cookie

Aguarde

An error occurred while fetching the content