Carregando...

Carregando...

Carregando...

Selecione uma opção

Por favor selecione um Sexo para comprar!

Bem-vindo(a) à Farfetch, faça login ou cadastre-se

Ícones de Estilo e Influenciadores

segunda-feira, 19 de fevereiro de 2018

O estilo Marilyn Monroe

Compartilhar

Polêmica, sexy e glamurosa. Uma das estrelas mais famosas de Hollywood, Marilyn Monroe foi e continua sendo um eterno fashion icon que inspira artistas e fashionistas através de gerações por sua ousadia e personalidade. 

 

Nascida em Los Angeles em 1926, Norma Jeane Mortenson mudou seu nome legalmente em 1956. Ela começou a carreira como modelo pin-up, mas logo chamou a atenção dos estúdios 20th Century Fox. 

 

Durante a vida pública de Marilyn Monroe, filmes emblemáticos trouxeram fama e revistas como a Time passaram a considerá-la um exemplo de mulher de negócios talentosa que fez sucesso a partir de seu estilo pessoal. 

Marilyn Monroe biografia

Marilyn Monroe – biografia 

 

Mais do que sua atuação em alguns dos filmes mais icônicos da época, como o musical Os Homens Preferem as Loiras, foram as roupas Marilyn Monroe e seus cabelos platinados que fizeram com que a atriz permanecesse no imaginário popular. 

 

Marilyn dava preferência a roupas brancas justamente para enfatizar a cor de seus cabelos, além de escolher cortes que destacavam suas curvas. A maior parte de seus trabalhos na publicidade, aliás, tinha a sensualidade como uma das características mais fortes. 

 

É por isso mesmo que seus looks mais famosos, como o modelo branco e acinturado que ficou conhecido como “o” vestido da Marilyn Monroe, ganharam esse posto exatamente por conta do sex appeal. Nesse caso, o traje entrou para a história em uma cena de O Pecado Mora ao Lado na qual o vento do metrô que passava abaixo fez o vestido voar, revelando as pernas da atriz. 

 

Estilo à parte, a vida de Marilyn Monroe é mais um capítulo instigante, tanto por causa de sua infância conturbada quanto por seus relacionamentos amorosos considerados polêmicos na época – ela se casou três vezes e ainda namorou artistas populares, como Marlon Brando. 

vestido da Marilyn Monroe

Loira fatal 

 

Em 2011, Simon Curtis dirigiu Sete Dias com Marilyn, que focou principalmente na semana que a atriz passou no Reino Unido acompanhada de Colin Clark, escritor do livro que deu origem ao longa. 

 

Com figurino criado por Jill Taylor, Michelle Williams incorporou a loira fatal em alguns de seus looks usados em filmes e aparições públicas. O filme também resgatou a preferência de Marilyn por looks na cor cáqui, como destacou a Max Mara em sua coleção de inverno 2016, abertamente inspirada na atriz. 

 

Prabal Gurung também trouxe de volta, na primavera do ano passado, a combinação que Marilyn usava de saia lápis em comprimento mídi com camisas mais largas e preferencialmente brancas, demarcando sua cintura e quadris ao equilibrar a silhueta. 

 

É essa combinação de looks acinturados e sedutores (mas não necessariamente decotados) com os cabelos platinados, acima dos ombros e cacheados que se tornou a assinatura de Marilyn Monroe tão reinterpretada pelas gerações que a sucederam. 

 

look saia lapis

Queridinha dos americanos 

 

Se Marilyn lançou a ideia de que os homens preferem as loiras, a música pop americana segue tentando provar a máxima com artistas como Madonna, Gwen Stefani, Britney Spears e Lady Gaga, que vêm fazendo referências à estrela hollywoodiana. 

 

Frequentemente vista com penteados semelhantes ao de Marilyn, Gaga incorporou a atriz em um vestido longo de veludo preto da Versace durante o Golden Globes de 2010. 

 

Mas antes disso, já nos anos 80, Madonna fazia questão de manter o legado de Marilyn vivo em ensaios fotográficos, clipes e shows. Em Material Girl, a cantora chegou a remontar a cena em que Marilyn canta Diamonds Are a Girl's Best Friend, inclusive usando o icônico vestido rosa com luvas longas. 

 

Foi exatamente  esse arquétipo de mulher sexy e devastadora que continuou sendo revisitado por outros artistas, como Lana Del Rey ao interpretar a famosa apresentação em que a diva cantou parabéns ao presidente John F. Kennedy em 1962. A atriz usou um vestido longo com 2.500 cristais bordados que foi leiloado por US$ 4,8 milhões no ano passado. 

 

Já nas passarelas, além de Max Mara, o ícone da loira fatal apareceu também na campanha de primavera 2009 de Roberto Cavalli, quando a modelo Daria Werbowy incorporou Marilyn, enquanto no mesmo ano a Dolce & Gabbana incluiu o rosto da atriz como estampa de vestidos volumosos. Atualmente a Moschino traz o ícone como estampa e aplicações de suas blusas e camisetas.

Moschino Marilyn Monroe

Incorporando Marilyn 

 

As lições aprendidas com o estilo Marilyn são facilmente replicadas no cotidiano, a começar pela atenção ao biótipo: a estrela conhecia muito bem o seu corpo violão e, por isso mesmo, só usava roupas estruturadas e bem acertadas às suas curvas. 

 

Além da saia lápis, Marylin, que chegou a ser modelo da Levi’s, também não dispensava calças e shorts de cintura alta, fossem eles de alfaiataria ou mesmo jeans, como os da Amapô

 

Ela apostava ainda em crop tops, tendência que segue como dica para o verão 2017, como visto nas coleções de Alexander Wang e da Corporeum, especialmente quando usados junto à clássica cintura alta.  

 

A mesma silhueta valia para as roupas de banho, um estilo sempre presente nas coleções da Haight, da Amir Slama e da Brigitte – todas elas apresentando também vários modelos de maiôs, outra preferência de Marilyn, sobretudo combinados com acessórios de impacto, como brincos grandes. 

 

Com muito drama e glamour, o estilo Marilyn segue como uma referência e ensina que acentuar seus pontos fortes e ser fiel à sua personalidade será sempre uma fórmula de sucesso

estilo Marilyn
País da entrega Seu pedido será enviado para Brasil e o seu endereço de cobrança é BRL R$ .
An error occurred while fetching the countries or regions

Aguarde

Nossa Política de Cookie

Aguarde

An error occurred while fetching the content
Nossa Política de Cookie

Aguarde

An error occurred while fetching the content